Metodologias ativas de ensino-aprendizagem no Curso “Linha de cuidado da obesidade com foco na Segurança Alimentar e Nutricional

O curso de especialização que vem sendo realizado desde o ano passado na UNESP de São Jose do Rio Preto (SP) utiliza metodologias ativas de ensino-aprendizagem segue a lógica da Educação Permanente em Saúde (EPS) que foi implementada como Política Nacional pelo Ministério da Saúde em 2007. O curso tem por objetivo instrumentalizar uma equipe interdisciplinar para qualificar sua atuação com grupos de pacientes em fila de espera da cirurgia bariátrica no ambulatório do Hospital de Base (HB) de São José do Rio Preto.

 A especialização é coordenada pela educadora (facilitadora de processos educacionais) Carla Maria Vieira, pós doutoranda vinculada ao INTERSSAN e pela docente Maria Rita Marques de Oliveira (UNESP/Botucatu). Conta com o apoio da doutoranda Mayara Martins Evangelista e da graduanda em nutrição Talita Cardoso Rossi. Os beneficiários são profissionais da área da saúde (nutricionistas, educadores físicos, psicóloga e fisioterapeuta) que atuam no HB e colaboradores que atuam em outros serviços e que se vinculam ao projeto como voluntários.

Até o presente momento, foram realizados 6 de 10 encontros presenciais e 7 de 27 encontros virtuais com o grupo de especializandos, os quais realizaram 20 encontros de intervenção com os pacientes. Durante os encontros presenciais, a facilitadora conduz o processo na abordagem educacional da problematização, com foco no protagonismo do educando em seu processo formativo. Dentre os recursos pedagógicos utilizados, destaca-se a Espiral Construtivista, as Viagens Educacionais e o Portfolio. No grupo de especializandos foi possível observar deslocamentos reconhecidos nos processos avaliativos e em seus portfólios, que dizem respeito a ampliação de sua capacidade de leitura de realidade, na melhora da capacidade reflexiva sobre seu perfil profissional especialmente no que diz respeito ao trabalho com grupos, o desenvolvimento da capacidade de condução de seu próprio aprendizado, a habilidade de fazer e receber críticas, a capacidade de produção coletiva de conhecimentos, entre outros.

O Curso encontra-se em fase de consolidação com a conclusão do primeiro módulo e início do segundo. O grupo de profissionais tem participado intensamente da condução do processo de ensino e aprendizagem o que faz com que a autoria do Curso não seja somente dos educadores, mas também dos educandos. Os grupos de intervenção com os pacientes do ambulatório vêm ganhando qualidade em seu desenvolvimento com ganhos significativos no manejo da obesidade grave e melhora na qualidade de vida dos participantes.

Linha Cuidado da Obesidade

 

Esta entrada foi postada em Notícias, Noticias Recentes, Uncategorized. Indicador dolink permanente.

Comentários estão fechados.